Essas pequenas ações podem ajudá-lo a voltar ao local de trabalho com menos ansiedade e mais resiliência mental.

Não há um manual para reingressar no local de trabalho após uma pandemia global. Esta é a primeira vez para todos nós. Mas existem maneiras científicas de gerenciar seu estresse, comunicar-se com mais eficácia com os outros e manter a produtividade durante este período sem precedentes.

coworking-novo-trabalho

Este guia apresenta 08 microsteps – pequenas ações que podem melhorar significativamente sua vida:

1. Anote sua principal preocupação associada ao retorno ao trabalho.

Uma maneira de retomar as rédeas é simplesmente nomear suas ansiedades. Os pesquisadores clínicos chamam isso de estratégia “dê um nome para domesticá-lo” porque, na verdade, retarda a resposta negativa do cérebro e reduz o estresse. Usando técnicas de neuroimagem, os pesquisadores da UCLA, Universidade de Los Angeles, nos Estados Unidos, conseguiram mostrar que verbalizar nossas emoções na verdade torna a raiva, a tristeza e a dor menos intensas. Depois de articular uma emoção para si mesmo, seja escrevendo ou dizendo em voz alta, você pode fazer um plano para lidar com a preocupação.

2. Escolha uma atividade relaxante para praticar de forma consistente durante seu trajeto ao trabalho.

O deslocamento diário é uma parte do dia que pode ser uma fonte de estresse ou uma oportunidade para encontrar calma. Você pode selecionar uma playlist de música, ou simplesmente, caso esteja no Hub Cerrado, pare um pouco e contemplar a natureza.

3. Comunique-se com compaixão para aumentar a conexão e a motivação.

Cada um de nós enfrentou desafios únicos durante a pandemia, esses desafios refletirão em nossa experiência quando retornarmos ao escritório. Podemos estar sofrendo pela perda de entes queridos, sofrendo com obstáculos financeiros, navegando em torno de eventos de vida cancelados, lidando com a ansiedade do cuidador ou controlando a ansiedade de contrair o vírus conforme o país reabre.

4. Troque o “Tudo bem?” para uma pergunta mais profunda.

Na próxima vez que você entrar em contato com um colega, faça perguntas como: “Sobre o que está pensando?” ou “Que desafios você está enfrentando agora?” pode dar a você a chance de aprender e honrar suas experiências. Esses tipos de perguntas também estimulam o aprendizado, a troca de ideias e ajudam a construir harmonia e confiança. Uma equipe de pesquisadores de Harvard descobriu que o simples ato de fazer perguntas traz benefícios significativos para você e seus colegas. Pessoas que fazem mais perguntas tendem a ser mais queridas pelas pessoas com quem estão conversando. Eles também são percebidos como mais responsivos, validadores e cuidadosos.

5. Usando uma máscara facial, comunique-se verbalmente mais do que faria normalmente.

Usar uma máscara torna difícil para outras pessoas ler sua expressão e interpretar seu estado emocional. Nossa capacidade de sentir os sentimentos dos outros se deve aos neurônios-espelho em nosso cérebro, que nos ajudam a experimentar o que a outra pessoa está sentindo. Quando metade do nosso rosto está coberto, isso é infinitamente mais difícil de fazer. Em vez de confiar em mostrar emoções, tente comunicá-las. E antes de ler sobre o que outras pessoas estão pensando ou sentindo, faça mais perguntas.

6. Quando você estiver liderando uma reunião, comece falando com a pessoa na videoconferência ou telefone.

Um estudo da Psychological Science, revista científica americana mensal, revista por pares, publicada pela SAGE Publications, descobriu que a dor de ser deixado de fora segue os mesmos padrões neurais e fisiológicos da dor física. Os pesquisadores chamam essa forte resposta negativa à exclusão de “sistema de alarme neural” e a associam a tendências adaptativas evolutivas para proteger contra o isolamento social.

7. Redifina produtividade.

Um aspecto positivo da pandemia é que ela nos forçou a reconhecer que devemos cuidar de nosso bem-estar para liberar todo o nosso potencial. Durante a crise, passamos por um estresse cada vez maior devido ao trabalho sem fronteiras e às distrações constantes. (Houve um aumento de 300 por cento nas pesquisas online por “Como fazer seu cérebro se concentrar” desde fevereiro!). Percebemos que a vida de nossa família simplesmente não poderia ficar escondida de nossa vida profissional. 

8. Compartilhe uma meta de bem-estar com sua equipe.

Isso merece um tempo específico para um treino rápido durante o intervalo para o almoço ou flexibilidade no horário de início para evitar um trânsito congestionado. Embora estejamos voltando ao escritório, ainda estamos enfrentando impactos físicos e emocionais significativos da pandemia. Portanto, reservar tempo para o bem-estar é essencial. Compartilhar suas metas e prioridades de bem-estar com seu gerente e colegas estimula a responsabilidade e o incentivo.

Deixe um comentário

× Entre em contato AGORA!